Roteiro Personalizado



INFORMAÇÕES ÚTEIS

Alfândega Embaixadas
Passaporte Visto Americano
Câmbio Consulta de Voos
Vacinas
Documentos de Embarque
Tempo Mapas do Metrô
Fuso Horário Mapas
Consulados Transp. de Animais


Espanha

ESPANHA


Melhor Época: Abril a Junho e Setembro a Novembro

Verão:Julho e Agosto

Custo: Médio

Se você acha que a Espanha é só a terra do flamenco e das touradas, está na hora de dar um pulinho no país mais caliente da Europa. E quente não apenas por ser o lugar onde os outros europeus mantêm casas de veraneio, mas por seu jeito de receber os turistas, de fazer a noite passar de maneira inesquecível ou até pelo clima, um dos mais convidativos do Velho Mundo. Seja em Madri ou Barcelona, Sevilha ou Santiago de Compostela, não faltam atrativos. Duro vai ser voltar para casa.

Madrid capital da Espanha

Em Madri comece o passeio pela Plaza Mayor, onde você terá uma versão resumida de tudo que irá encontrar na capital. Depois, vá a três lugares obrigatórios: o Museu do Prado, o Museu Thyssen-Bornemisza e o Museu Reina Sofia. Nesse último, por exemplo, você poderá ver de perto a famosa tela de Picasso: Guernica.Depois de tanta cultura, que tal percorrer os bares da cidade. Ficar em apenas um é coisa de turista desavisado. Não fique parado. Quanto retomar o fôlego vá conhecer outras atrações imperdíveis, como a Puerta del Sol e o Parque del Retiro.

A agitada e divertida Barcelona

A agitada cidade de Barcelona foi feita para quem gosta de se divertir. O ritmo é acelerado e não faltam atrativos. É claro que você vai aproveitar a noite barcelonesa com tudo, mas lembre-se de não gastar toda a energia, pois há muito para se fazer também durante o dia. Alguns dos passeios obrigatórios envolvem dois dos maiores artistas de todos os tempos: Antoni Gaudí e Joan Miró. Não deixe de visitar a Sagrada Família, a Casa Batlló, La Pedrera, Parque Güell e a Fundação Miró.

E não podemos deixar de citar Santiago de Compostela. Já faz mais de 100 anos que a cidade recebe peregrinos, que, normalmente, chegam ali depois de percorrer por pelo menos um mês os 750 quilômetros que ligam Santiago de Compostela a St. Jean Piet-de-Porte, no sul da França. Apesar de não estar na Bíblia, conta-se a história de que o apóstolo Tiago teria percorrido o trajeto em 38 d.C. A verdade é que, atualmente, cada um percorre a “trilha” por razões variadas. O final dela é na bela cidade, repleta de catedrais, monastérios, muitas lojas e restaurantes.



Roteiros - Espanha